heart-558528_1280

Pedras sempre estão no nosso caminho. Ora adornando paisagens na natureza, ora fortes e impetuosas como muros. Foram usadas na história para revelar conquistas e poder, depois foram símbolo da liberdade! Exemplos físicos do mal e do bem.
Vejo aqui as infinitas possibilidades do ser humano de recriar.  Sim, a pedra vai estar sempre ali, à espera de quem lhe dê significado. Veja:

A pedra
O distraído nela tropeçou
O bruto a usou como arma
O empreendedor a usou para construção
O camponês dela fez um assento
Drummond a profetizou
Ja Davi com ela matou o gigante
Michelangelo dela fez belas esculturas.

Recebi essa sugestão de texto da amiga Natália Nascimento, de Aracaju, querida de longa data. Sempre que nos falamos o incentivo é mútuo, pois ambas sabemos da importância de fazer das pedras do caminho da vida um salto pra conquistas essenciais. A nossa revolução humana!
A verdade é que tudo na vida pode ser transformado. Corações endurecidos, objetivos necrosados pelo tempo, o medo de começar de novo.
Ao dividir com vocês essa reflexão, fica o desejo para que sua natureza humana crie e recrie valor, a partir do novo significado às “pedras” que encontrar no caminho de seu desenvolvimento. O que significa ter sabedoria para transformar adversidades em conquistas, Entalhar delicadeza, liberdade e alegria, essa leveza de vida que nos faz melhor a cada dia, independente de qualquer coisa. E lembre-se: só você pode fazer de uma pedra uma arte: a arte de viver bem. —  Gleice Carvalho